Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Notícias no Google sobre Angola


Aberto livro de condolências pelo falecimento de Paulo Jorge
AngolaPress
Genebra – A Embaixada de Angola junto da Confederação Helvética abre quinta-feira, por um período de seis dias, um livro de condolências em homenagem ao ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Comércio entre Angola e Índia pode chegar a 3.250 M€ este ano
Diário Digital
As trocas comerciais entre Angola ea Índia para este ano poderão atingir os quatro mil milhões de dólares (3,25 mil milhões de euros) e assim ultrapassar os ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Presidente Kabila reconhece contributo de Angola na estabilização ...
AngolaPress
... Joseph Kabila, reconheceu hoje, quarta-feira, em Kinshasa, o contributo de Angola e outros países africanos na estabilização do seu país. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Luanda é a cidade mais cara do Mundo
Jornal de Notícias
Capital angolana é a cidade mais cara do Mundo, diz o ranking que mediu o custo de vida em 214 cidades dos cinco continentes. Lisboa ocupa 74.º lugar, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Companhias petrolíferas americanas investem mil milhões de dólares ...
AngolaPress
Luanda - As companhias petrolíferas norte-americanas investem todos os anos em Angola mil milhões de dólares para sustentar e aumentar a produção de ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Embaixada de Angola no Botswana entrega donativo a refugiados
AngolaPress
Gaberone – A embaixada de Angola no Botswana entregou terça-feira um donativo de cerca de seis toneladas de alimentos, material de higiene e cobertores, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Missão Permanente de Angola junto da ONU consternada com morte de ...
AngolaPress
Nova Iorque – A Missão Permanente de Angola junto das Nações Unidas manifestou-se “profundamente consternada” com o falecimento do deputado Paulo Jorge, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Malária é um fardo para a economia angolana
Jornal de Angola
Quem também discursou foi o embaixador dos Estados Unidos da América, Dan Mozena, para quem os angolanos não devem aceitar a morte por malária como sendo o ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Governo disponibiliza mais de Akz 19 milhões para "Angola Jovem"
AngolaPress
... visando apoiar às iniciativas de negócios dos jovens no âmbito do programa "Angola Jovem", em curso no Kwanza Norte desde Abril de 2008. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Cidades Mais Caras do Mundo para morar
Agência Notícias (Blogue)
Entre as dez cidades mais caras para se viver está a capital de Angola, Luanda ea cidade de Copenhague, na Dinamarca. A cidade de Nova Iorque aparece em 29º ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »


Pensar e Falar Angola

Reorganização Nacional (X) - Lei da Probidade Pública

A Lei da Probidade Pública entrou em vigor, ontem, 90 dias após a sua publicação no Diário da República. Aprovada pela Assembleia Nacional a 5 de Março e promulgada a 25 do mesmo mês pelo Presidente da República, a Lei da Probidade Pública estabelece as bases e o regime jurídico relativos à moralidade e ao respeito pelo património público.
No diploma constam disposições relativas aos princípios sobre o exercício de funções públicas, direitos e deveres do agente público, improbidade pública, garantias de probidade e sanções, enriquecimento sem causa e ao abuso de poder.
Relativamente ao enriquecimento sem causa, a Lei refere, que o agente público que, no exercício das suas funções e, aproveitando-se de erro de outrem, receba taxas, emolumentos ou outros valores não devidos ou superiores aos devidos está obrigado a ressarcir o valor indevidamente recebido, nos termos do Código Civil.
Em declarações ao Jornal de Angola, a propósito da entrada em vigor da referida Lei, o presidente da 8ª Comissão da Assembleia Nacional, que trata da ética e decoro parlamentar, realçou o papel pedagógico do diploma, especialmente, para os gestores públicos remetendo-lhes a utilização sóbria dos recursos.
Jaka Jamba disse, que a promulgação e entrada em vigor da Lei de Probidade Pública é um “passo em frente “ e uma iniciativa necessária que vai definir a estratégia para uma gestão parcimoniosa dos bens do Estado. “ É preciso criar outra cultura de boa gestão apesar de termos ainda muito que percorrer sobretudo, no que se relaciona com a prestação de contas na administração pública”, disse o deputado, defendendo sanções para os gestores que não cumprem o que está estabelecido na lei.
O secretário-geral das Igrejas Cristães em Angola (CICA), reverendo Luís Nguimbi considerou de “ muito importante” a entrada em vigor do instrumento jurídico, que na sua opinião vai disciplinar a gestão da coisa pública.
O reverendo frisou, que a Lei vai obrigar os gestores a terem um comportamento claro, isento e transparente do património público. “A consagração de que tudo que é público pertence a todos vai evitar que os gestores convertam bens públicos em bens próprios”, rematou.


Pensar e Falar Angola

Galinha de Angola - pintura digital



De Daniel Giraud Elliot por Netim



Pensar e Falar Angola

terça-feira, 29 de junho de 2010

Notícias no Google sobre Angola


Nacionalista Paulo Jorge é um exemplo de militância e humanismo ...
AngolaPress
Por outro lado, o embaixador de Angola na Eslováquia, Alberto Neto, endereça, em nome dos funcionários da sua missão diplomática, sentimentos de pesar ao ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Reservas internacionais de Angola atingem 16.000 M€
Diário Digital
Angola tem hoje uma reserva externa próxima dos 20 mil milhões de dólares (16 mil milhões de euros), consequência de um crescimento registado de Dezembro de ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Cônsul considera eficazes relações Angola/Guiné Conakry
AngolaPress
Luanda – As relações entre Angola ea Guiné-Conakry foram consideradas hoje (terça-feira), excelentes e eficazes pelo cônsul-geral daquele país africano em ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
E a cidade mais cara do mundo é¿
TVI24
A capital de Angola destronou Tóquio, que está na segunda posição, no ranking das cidades com maior custo de vida, segundo um estudo divulgado esta ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Igreja é parceira na promoção dos direitos humanos em Angola
AngolaPress
Em sua óptica, a situação dos direitos humanos em Angola tem evoluido positivamente nos últimos tempos, na sequência da conjugação de esforços dos distintos ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
ANGOLA PROJECTA EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS AGRO-INDUSTRIAIS PARA OS ...
O Apostolado
O Governo de Angola projecta exportar produtos agrícolas e agro-industriais para o mercado norte-americano, a curto prazo. A informação foi avançada ontem ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »

O Apostolado
Negócios entre Angola e Índia atingem USD 4 biliões
AngolaPress
Luanda - O volume de negócios entre a Índia e Angola pode alcançar os quatro biliões de dólares este ano, suplantando os três biliões de dólares ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »

AngolaPress
Angola tem quinze empresas de aviação licenciadas
Jornal Digital
... Francisco Chocolate anunciou que, apesar de haver 15 empresas licenciadas, apenas a TAAG - Linhas Aéreas de Angola tem a certificação técnica concluída. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Embaixador EUA reconhece esforço do governo angolano na ...
AngolaPress
Luanda – O embaixador cessante dos Estados Unidos da América (EUA) em Angola, Dan Mozena, reconheceu hoje, em Luanda, o esforço do governo angolano no ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »
Rio de Janeiro é a cidade da América mais cara para estrangeiros
Band
A norueguesa Oslo aparece em segundo lugar e Luanda, na Angola, fica em terceiro. A surpresa ficou por conta de Londres, que na 78ª colocação, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico »


Pensar e Falar Angola

ÁFRICA E OS JOGOS


abissínios, bantos, berbers, egípicios, ganeses, hausa, khoisans, noks, núbios e somalianos. Abissínios: civilização semita do tronco Afro-Asiático, habitantes da Chifre da África, principalmente na atual Etiópia. Bantos: principal povo do tronco Níger-Congo, habitantes de grande parte do centro e do sul da África. Os bantos formaram grandes países na Idade Média, como Reino do Congo, Grande Zimbábue e reinos na atual Angola. Berbers: mais um povo do tronco Afro-Asiático, habitantes de grande parte do norte da África, incluindo o Saara. Conhecidos pela pirataria na Idade Antiga. Egípicios: essa famosa civilização também pertence ao tronco Afro-Asiático. Dispensam apresentações. Ganeses: representam todos os povos do grupo Songhai, que é parte do tronco Nilo-Saara. Esse povo habitou a parte oeste da África e formou grandes países, como Gana e Mali. Hausa: mais um povo do tronco Nilo-Saara, que também formou grandes impérios como Kanuri-Bornu na Idade Média. Se localizavam onde é hoje a região da Nigéria. Khoisan: povo pacífico que habitou o centro e sul africano e perdeu aos poucos espaço para os bantos. Khoisan é o nome do tronco lingüístico e se divide em dois: Khoi e San. Nok: civilização de origem desconhecida que habitou a Nigéria por volta de 500 aC e que ficou conhecido pela cerâmica e pelo uso de metais. Raiz do Império de Benin. Núbios: mais uma civilização do tronco Nilo-Saara e habitantes de onde é hoje o atual Sudão. Somalianos: civiliação do tronco Afro-Asiático e habitantes da atual região da Somália.
_________________ Conheça EVOLUTION - Video de abertura do jogo Criações pra Civ3 e Civ4 - Fábrica de jogos CivArmy



Pensar e Falar Angola

3ª cidade mais cara do Mundo

Tóquio, no Japão, foi considerada a cidade mais cara do mundo, segundo ranking da ECA - companhia global de recursos humanos - publicado pela revista “Businessweek”.

No levantamento da publicação, que indica as 30 cidades com maior custo de vida, Luanda, na Angola, por exemplo, aparece em terceiro lugar, na frente de grandes metrópoles como Copenhague (Dinamarca), em oitavo, e Nova York (Estados Unidos), na 29ª posição. Rio de Janeiro, única cidade brasileira citada no ranking, aparece em 28º lugar.

Entre as dez cidades mais caras, a maioria é japonesa. A pesquisa atribui o resultado à força da moeda local vista no ano passado. O fato de Luanda ter ficado na frente de cidades de países mais desenvolvidos se deve, conforme informa a revista, ao grande aumento de preços registrado em 2009. No caso do Rio de Janeiro, o estudo afirma que a cidade entrou no ranking devido à valorização do real frente ao dólar no ano anterior.

O ranking da ECA, feito desde 2005, é baseado numa cesta de 128 itens incluindo comida, roupa, eletrônicos e entretenimento. Os preços foram recolhidos em setembro do ano passado e março deste ano.

Posição das Cidades

1º Tóquio, Japão

2º Oslo, Noruega

3º Luanda, Angola

4º Nagoya, Japão

5º Yokohama, Japão

6º Stavanger, Noruega

7º Kobe, Japão

8º Copenhague, Dinamarca

9º Genebra, Suíça

10º Zurique, Suíça

11º Bern, Suíça

12º Basel, Suíça

13º Libreville, Gabão

Reorganização Nacional (IX) - Economia

Aos poucos, as moedas vão surgindo no ciclo normal da economia quotidiana dos angolanos e estão a contribuir para um maior rigor nos trocos, até aqui "arredondados" a favor dos comerciantes ou, pior ainda, convertidos em géneros não solicitados pelo cliente, como guloseimas e pastilhas elásticas. A introdução, pelo Banco Nacional de Angola, de moedas de 1,00, 2.00 e 5,00 kwanzas e 10,00 e 50,00 cêntimos, representa uma mudança, mesmo que tímida, para o cliente pagar exactamente o preço marcado.
Mário Noélio compra um refrigerante e paga na caixa do supermercado o preço exacto. Para isso usa moedas. Ele tem dez anos mas já conhece as moedas de 10 e 50 cêntimos e de 1,00, 2,00 e 5,00 kwanzas em circulação no mercado nacional. É aluno da quarta classe e diz que na hora de comprar pastilhas e biscoitos paga o preço exacto porque usa o novo dinheiro em circulação.
Muitos clientes quando recebem os trocos em moedas ficam admirados. Para muitos, elas são um empecilho, porque os comerciantes se recusam a aceitá-las, embora haja também clientes que se neguem a recebê-las no troco.
Um restaurante que oferece serviços de “take away”, o cliente Mário Sérgio solicita um prato e recebe o troco em moedas. Rejeita à partida, mas depois conforma-se, embora preferisse receber pastilhas.
O estudante universitário Samuel Paulo, no momento em que lhe deram o troco, gostou de receber as moedas porque, no seu entender, “deviam circular no mercado formal e informal”.
Teresa Lacher, responsável de um supermercado, disse que a empresa enfrenta dificuldades na entrega das moedas, porque os clientes reclamam. “Optámos por substituir o troco por outros produtos do mesmo valor, quando o cliente rejeita as moedas”, explicou.
Teresa Lacher considera importante a entrega de trocos em moedas, porque é uma forma de sensibilizar todos os agentes económicos a terem a mesma atitude. Além do grupo Sanders Investments, existem outros estabelecimentos, em Luanda, que entregam trocos em moedas metálicas aos clientes.
Embora as moedas ainda sejam desvalorizadas, Sónia Silvestre, operadora de caixa da loja Estrela Branca, diz encarar a iniciativa como “uma forma de permitir o consumo de produtos com menor valor, tal como nos outros países”.
Cátia Monteiro foi às compras e disse que muitas lojas em Luanda já dão aos clientes os trocos em moedas.
Francisco Costa, gerente de uma loja, começou a fazer trocos em moedas há mais de 15 dias. O comerciante defende a circulação de moedas, umas vez que tem sido lastimável a conservação das notas “pequenas” que mais circulam no mercado. “Às vezes, recebemos trocos em notas manchadas com sangue e malcheirosas”, afirmou. Além de dar os trocos em moedas, o comerciante tem sensibilizado os clientes para o uso de moedas.
António Ramos da Cruz; do Banco Nacional de Angola (BNA), informou que as moedas de 5,00 kwanzas voltam a circular no mercado, dada a elevada procura das notas de menor valor facial. “Reintroduzimos as moedas de cinco kwanzas, porque achamos que vai facilitar a actividade comercial dos agentes económicos. Em função da escassez das notas de 5,00 e 10,00 kwanzas, decidimos lançar novamente as moedas”.
O gestor bancário aponta a redução da inflação como estando na base da aceitação da moeda, uma vez que no passado “o nível da inflação era muito alto e circulavam apenas notas de maior valor facial”.
António Ramos da Cruz explica que as moedas de menor valor facilitam os trocos, tendo em conta os sinais de estabilidade económica que o mercado apresenta: “verificámos que os operadores substituíam os trocos com biscoitos, rebuçados ou pastilhas elásticas e muitas vezes furtavam-se a fazer o troco”, acrescentou.
António Ramos da Cruz garante que as moedas têm curso legal no país e devem ser aceites nas transacções comerciais, numa altura em que o BNA emitiu um considerável volume de moedas, devido à escassez de notas de menor valor facial.
O BNA voltou a introduzir, no dia 24 de Maio, as moedas de 5,00 kwanzas. As de 1,00 e 2,00 kwanzas e as de 10,00 e 50,00 cêntimos já existem no mercado.
O Banco de Poupança e Crédito (BPC) pediu ao BNA moedas no valor de 1,5 mil milhões de kwanzas, para as operações de troca no mercado nacional. “A intenção do Banco Central é promover campanhas de sensibilização para o uso das moedas em circulação”, disse António Ramos da Cruz, acrescentando ser obrigação do BNA intervir e exigir junto dos operadores económicos a utilização das moedas.

Consumo obrigatório

A directora adjunta do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC), Nilza Muafumba, reprova a atitude dos operadores comerciais na fixação de preços que implicam a entrega de notas de menor valor facial. “Muitos agentes económicos furtam-se à entrega de trocos, o que é reprovável”, referiu. Os preços devem ser estipulados de acordo com as notas que a empresa tem disponíveis. Nilza Muafumba denunciou que os agentes económicos induzem os clientes a um consumo obrigatório.
“Nas actividades de fiscalização que efectuamos nos estabelecimentos comerciais tem sido frequente assistirmos à entrega de biscoitos como troco em kwanzas”, uma atitude que Nilza Muafumba qualifica de desleal.
A directora adjunta do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC) afirma que os actuais níveis de inflação já permitem que os operadores façam o uso das notas de menor valor facial. Mas aconselha os consumidores a reclamarem os seus trocos, pois a circulação das moedas no mercado já é um dado notável.



Pensar e Falar Angola

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Bonecas angolanas


Colecção J. R. Ivy
Fotografia Neil Munro

Pensar e Falar Angola

Notícias no Google sobre Angola

Angola: Morreu Paulo Teixeira Jorge, secretário do MPLA
Diário Digital
... Paulo Teixeira Jorge, faleceu no sábado em Luanda, depois de passar mal durante uma viagem de regresso a Angola, noticiou hoje o Jornal de Angola. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
AngolaPress
Angola poderá contar com novas fábricas de transformação de madeira
AngolaPress
Luanda – Angola poderá contar com novas unidades industriais ligadas à transformação de madeira, como serrações e carpintarias de grande porte para a ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
AngolaPress
Angola pretende diversificar exportações para os EUA
AngolaPress
Luanda - O Governo de Angola tenciona, com auxílio dos EUA, exportar, a curto prazo, produtos agrícolas e agro-industriais para o mercado norte-americano, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Regressou a Angola presidente Dos Santos, depois de visitar Gana e Br
Prensa Latina
Especialistas do país sul-americano desenvolverão em Angola, por outra parte, a extensão rural e apoiarão as investigações para o desenvolvimento da ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Caritas de Angola entrega doação aos leprosos no Kuito
AngolaPress
Kuito - As Caritas de Angola procedeu neste fim-de-semana no Kuito, província Bié, a entrega de um donativo composto por roupas diversas aos leprosos ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
AngolaPress
Angola e Portugal aprofundam cooperação marítima
AngolaPress
Luanda – O chefe do Estado-Maior da Marinha de Guerra de Angola, Almirante Augusto da Silva Cunha “Gugu”. reuniu hoje, segunda-feira, em Luanda, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Embaixador indiano em Angola impressionado com a equipa do Ghana
AngolaPress
Luanda - O embaixador da Índia em Angola AR Gbanasbyam, manifestou-se hoje (segunda-feira) “muito impressionado” com a exibição da selecção ghanense no ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Inspectores das Forças Armadas do Congo-Brazzaville chegam terça ...
AngolaPress
Na República de Angola, a Inspecção-Geral das FAA é o órgão de apoio técnico do Ministério da Defesa Nacional (MINDEN) encarregue do controlo e da ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Cidade brasileira aparece em 28º no levantamento, diz a ...
G1.com.br
No levantamento da publicação, que indica as 30 cidades com maior custo de vida, Luanda, naAngola, por exemplo, aparece em terceiro lugar, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
AngoNotícias
Num mercado volátil, angola produz 1,88 milhões de barris O país
AngoNotícias
No último mês, Angola produziu diariamente 1,88 milhões de barris, contra os 1899 mb/d produzidos no mês anterior, ou seja, menos 19 mil barris/ dia, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico


Pensar e Falar Angola

Reorganização Nacional (XIII) - Mudar Luanda

Mudar a imagem de Luanda é uma das apostas do executivo da governadora Francisca do Espírito Santos. E para se ter uma ideia mais realística das acções em curso, foi apresentado, na quinta-feira, 24, o projecto de construção de um Parque Temático Botânico, uma área de lazer e para o bem-estar da população. O início da construção do espaço está previsto para este ano, na zona onde está situada a lixeira do Golfo II. A maqueta do Parque Temático Botânico de Luanda foi apresentada pela Cooperativa Cajueiro, que é o promotor encarregado do projecto. O espaço será construído numa espécie de Jardim Botânico, para disposição da população, onde vai ser também erguida uma escola de Educação Ambiental, um Centro Integrado para o Tratamento de Resíduos e vários espaços de lazer.


Pensar e Falar Angola

domingo, 27 de junho de 2010

Luto por Paulo Jorge

MPLA consternado com morte do nacionalista Paulo Jorge

O Bureau Político do MPLA manifestou-se hoje, domingo, consternado pela morte do Secretário para as Relações Internacionais deste partido, o nacionalista Paulo Teixeira Jorge, ocorrida sábado por doença.

Uma nota de imprensa a que a Angop teve acesso, em Luanda, indica que Paulo Jorge "fazia parte do restrito grupo de patriotas que de forma organizada se batiam por uma Angola liberta e pela dignidade do povo angolano".

O nacionalista Paulo Jorge, refere o documento, "é detentor de uma trajectória política irrepreensível e invejável na luta pela liberdade e pela democracia em Angola e no Mundo".

Destacou-se como simpatizante, militante e dirigente do MPLA, sobretudo na luta de libertação, quer como representante do partido no Egipto, Congo Brazzaville e na Argélia, bem como Responsável do Departamento de Informação e Propaganda, na Frente Leste.

Na sua longa caminhada, assinala-se também, de modo marcante, o mandato que a Direcção do MPLA lhe conferiu para integrar a delegação do partido para as negociações com a potência colonial, que culminaram com os acordos de Alvor, em Janeiro de 1975.

Com a proclamação da independência nacional, a 11 de Novembro de 1975, Paulo Jorge desempenhou as funções de Secretário do Presidente da República para as Relações Exteriores, assumindo ainda o cargo de ministro das Relações Exteriores, período durante o qual se podem destacar as suas qualidades como diplomata, humanista e defensor de causas justas.

O Bureau Político regista, sobretudo, o papel de Paulo Jorge na luta pela independência da Namíbia, a admissão da República Sahraui Democrática como membro da OUA e a diplomacia de atenuação dos efeitos da Guerra Fria.

No plano interno, destaque para os cargos e funções executivas partidárias e governamentais que desempenhou nas províncias do Kwanza Norte e Benguela, e
ainda na Assembleia do Povo, de que foi primeiro-secretário.

Na diplomacia partidária, lê-se no documento, assinala-se o papel de Paulo Jorge na luta que culminou com a admissão do MPLA na Internacional Socialista, assumindo hoje o Partido uma das suas vice-presidências.

Os cumprimentos de condolências à família realizam-se segunda-feira, dia 28, das 17 as 21 horas, na Assembleia Nacional, sala 3.

Casado e pai de dois filhos, Paulo Teixeira Jorge nasceu na província de Benguela, em 1929, e frequentou os estudos primário e liceal em Benguela e Luanda, respectivamente.

Em 1956, ingressou na Universidade, tendo frequentado o 1º ano de Geofísica e, posteriormente, por opcção, o curso de engenharia química.

No mesmo ano, ingressou no MPLA devido a acção mobilizadora de Arménio Ferreira e começou a participar nas actividades clandestinas e anti-fascistas, tendo sido preso por duas vezes por poucos dias, pela PIDE-DGS, em 1961 e em 1962.

De 1963 até 1965 trabalhou como operário em Paris (França), para assegurar a sua subsistência e desenvolveu, em paralelo, actividades a si encarregadas pela Direcção do MPLA.

Ainda em 1965, foi representante do MPLA no Egipto e, em 1967, representante desta mesma organização partidária na Argélia.

Em 1969 foi transferido para a 2ª região político militar, onde, posteriormente, é nomeado Representante do MPLA no Congo.

Em 1971, na Frente leste, foi nomeado Director do Departamento de Informação do MPLA, e em 1974 foi indicado para conduzir as conversações sobre a independência de Angola, com as autoridades portuguesas.

Em 1976, foi nomeado secretário da Presidência para às Relações Exteriores. No mesmo ano, foi nomeado ministro das Relações Exteriores da República Popular de Angola.

Em 1977, foi eleito membro do Comité Central do MPLA-PT, e em 1980, eleito deputado da Assembleia Popular Provincial do Bié e deputado da Assembleia do Povo.

Em 1978 foi nomeado secretário do Comité Central para a Cooperação, e de 1993 a 1994 exerceu o cargo de governador da província de Benguela.

Em 1995 foi nomeado secretário do MPLA para as Relações Exteriores, cargo exercido até à sua morte.

Já foi galardoado com as medalhas de Guerrilheiro do MPLA e da Luta Clandestina e com altas condecorações dos Governos das Repúblicas Popular e Democrática da Coreia, Federal do Brasil e de Cuba, entre outros países.



Pensar e Falar Angola

Notícias no Google sobre Angola

Expositor pretende ser maior investidor em Angola
AngolaPress
Segundo o responsável, que falava à Angop, a partir desta feira pode-se medir o potencial que Angolatem e aproveitar a oportunidade para divulgação da sua ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Angola e Namíbia reforçam mecanismo de combate ao crime na ...
Jornal de Angola
A quinta reunião ordinária do Comité Técnico Angola/Namíbia, que terminou sexta-feira, na cidade do Namibe, recomendou aos órgãos de especialidade o ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
MPLA consternado com morte de nacionalista Paulo Jorge
AngolaPress
No mesmo ano, foi nomeado ministro das Relações Exteriores da República Popular de Angola. Em 1977, foi eleito membro do Comité Central do MPLA-PT, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Mercado angolano é estratégico para negócios
AngolaPress
Luanda - O expositor Carlos Alberto Serapico, da empresa Portuguesa (Proang), disse hoje, em Luanda, que o mercado angolano é estratégico para negócios e de ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Economia angolana está em crescimento
Jornal de Angola
A economia angolana poderá tornar-se a quinta maior do continente africano, em 2014, segundo projecções do economista angolano Alves da Rocha, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Empresa angolana ganha com parceria
Jornal de Angola
A empresa angolana de arquitectura e engenharia YProject tem retirado benefícios da parceria com o Gabinete de Arquitectura Europeu, com mais de 20 anos de ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
MPLA anuncia construção de escola na Muconda
AngolaPress
"O MPLA diz que Angola é una e indivisível, todos nós acompanhamos a preparação da elaboração da constituição, aqui mesmo no município do Muconda também se ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Sambizanga elege delegados ao Congresso
Jornal de Angola
O município do Sambizanga, em Luanda, elegeu, ontem, os delegados ao Congresso Extraordinário da Frente Nacional de Libertação de Angola (FNLA), ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
A economia de bolso
Jornal de Angola
Temos em Angola muitos peritos nesta área que não se inibem de opinar. Desses peritos na matéria só esperamos que ajudem a encontrar soluções correctas e ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Apresentação da Lei da Probidade despertou atenção da opinião pública
AngolaPress
A emissora provincial da Rádio Nacional de Angola criou uma rubrica diária onde se aborda, em detalhe, o conteúdo da Lei, dúvidas de interpretação, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Pensar e Falar Angola

Nuvem

Angola na Imprensa (1772) música (399) jornais (325) Ágora (247) livros (229) F.Pereira (221) Historia de Angola (218) pintura (209) opinião (206) cultura (186) Luanda (116) desporto (114) fotografia (104) Território (74) literatura (73) africa (64) vídeo (64) culinária (60) Angola (55) Saúde (55) arte (55) escritores (55) reconstrução (54) Fauna (52) arquitectura (52) humor (51) personalidades (50) reciclagem (50) partidos políticos (49) turismo (49) Namibe (48) CAN2010 (47) futebol (46) energia (44) Luis Sá Silva (43) publicidade (43) Filatelia (42) Gastronomia Angola (42) Poesia (42) Cinema (41) economia (41) automobilismo (40) fotos (40) LAC (39) gastronomia angolana (37) sociologia (37) musica (36) Luanda Antena Comercial (35) POLITICA (34) valdemaribeiro (34) eleições (33) ensaios (32) Construção (31) visitando blogues (29) 95.5 (28) Elinga Teatro (28) informação (27) Girabola (26) eleições 2012 (26) Podcast (25) Lubango (24) automóveis (24) blogs (24) dança (24) teatro (24) Companhia de Dança Contemporânea de Angola (23) política (23) basquetebol (22) bonecas (22) futebol angolano (22) rádio (22) CDC (21) cronicas . ensaios (21) imprensa (21) sabores (21) Angola em fotos (20) Natal (20) Ondjaki (20) educação (19) notícias (19) frutas (18) Huambo (17) artesanato (17) cronicas (17) eventos (17) GP3 (16) debate político (16) festas (16) Benguela (15) Cozinha Angolana (15) Independência (15) Lobito (15) Parques Naturais (15) Presidente José Eduardo dos Santos (15) Sala de Música (15) curiosidades (15) receitas (15) Agostinho Neto (14) CASA-CE (14) EDUCAÇAO (14) entrevista (14) fotos antigas (14) Bloco Democrático (13) Companhaia de Dança (13) Rui Ramos (13) animais de Angola (13) 4 de Fevereiro (12) Angola descrita (12) Angola-Brasil (12) F.Quelhas (12) José Mena Abrantes (12) Solidariedade (12) comércio (12) memória (12) texto de leitor (12) viagens (12) áudio (12) Afrikya (11) Cabinda (11) Huila (11) José Rodrigues (11) Rádios Angolanas (11) agenda cultural (11) ambiente (11) ciência (11) escravatura (11) flora (11) kuduro (11) pessoas (11) Comentário (10) Jazz (10) Paulo Flores (10) Ruy Duarte de Carvalho (10) afrobasket (10) aniversário (10) escultura (10) estórias (10) futuro (10) geografia (10) malária (10) população (10) postais (10) povos (10) prémios (10) taag (10) unita (10) 27 de Maio (9) Huíla (9) Mateus Gonçalves (9) Palancas Negras (9) cplp (9) exposição (9) paludismo (9) pobreza (9) CAN2008 (8) Café da Manhã (8) Carnaval (8) Jorge António (8) Marcolino Moco (8) Pepetela (8) SOCIOLOGIA POLÍTICA (8) Sérgio Conceição (8) baía de Luanda (8) comboio (8) feriados (8) gentes (8) património (8) selecção de Angola (8) transporte (8) viagens no tempo (8) Festas do Mar (7) João Melo (7) Luandino Vieira (7) Malange (7) O País (7) Rui Mingas (7) SIDA (7) efemérides (7) ensino (7) falecimento (7) festival de teatro (7) heróis (7) percussão (7) Abel Chivukuvuku (6) Bom Dia - Bom dia (6) CAN2012 (6) Hóquei (6) Luisa Fançony (6) MPLA (6) ajuda (6) andebol (6) campanha eleitoral (6) chuva (6) colecção cartazes (6) filme (6) moda (6) sociedade (6) 25 de Abril (5) 4ª Conferência sobre Mulher e Desporto (5) Cartoon (5) Chá de Caxinde (5) Eleições em Notícia (5) FILDA (5) Luena (5) Mário Pinto de Andrade (5) Nelson Mandela (5) antiguidades (5) caminhos de ferro (5) contos (5) convite (5) crianças (5) cultos (5) desenho (5) dia de África (5) diversão (5) documentos (5) estradas (5) liberdade (5) lusofonia (5) moeda (5) o nosso Povo (5) petróleo (5) televisão (5) valdemar ribeiro (5) A Escola da Música (4) A Guerra (4) ADRA (4) Adams Kiluanji Smiths (4) Ana Clara Guerra Marques (4) André Mingas (4) Brasil (4) CFB (4) Capas de singles angolanos (4) Comemorações da Independência de Angola (4) Constituição (4) Diplomáticos (4) Duo Ouro Negro (4) Elias Dya Kimwezo (4) Expo 2010 (4) Fundação Sindika Dokolo (4) IIº Festival Internacional de Teatro e Artes (4) Jornal de Angola (4) Mulheres de Angola (4) N'gola Ritmos (4) Okutiuka (4) Ouvir Angola (4) Paulo Jorge (4) Pensar e Falar Angola (4) Raul do Rosário (4) Saurimo (4) Sónia Ferreira (4) Trincheira Firme (4) agricultura (4) arquitectura popular (4) colares (4) corrupção (4) desportos (4) ecologia (4) etnografia (4) hoquei em Patins (4) internet (4) media (4) medicina (4) tradição (4) urbanismo (4) África (4) Ana Paula Tavares (3) António Jacinto (3) Baía dos Tigres (3) Caminhos de Ferro de Moçâmedes (3) Catumbela (3) Cuito Cuanavale (3) Denudado (3) Dia Mundial da Dança (3) Dia da Mulher (3) Dia do Herói Nacional (3) Ernesto Lara Filho (3) Filipe Mukenga (3) Homenagem (3) INFRAESTRUTURAS (3) Interclube (3) Investimentos (3) Jogos Olímpicos (3) Jorge Kalukembe (3) José Eduardo Agualusa (3) Justino Pinto de Andrade (3) Kudijimbe (3) Lino Damião (3) Manifesto (3) Manuel Victória Pereira (3) Mosquito (3) Mundial de Hóquei (3) Mário Tendinha (3) Patrício Batsîkama (3) Paulo Araujo (3) Pedroto (3) Prémio Maboque (3) Pérolas (3) Ricardo Teixeira (3) Rock Angolano (3) Teta Lando (3) Universidade (3) Yuri da Cunha (3) adivinhas (3) autores (3) candomblé (3) cidadania (3) coleccionismo (3) comunicação (3) conselhos (3) curso (3) david oliveira (3) democracia (3) deputados (3) desastre (3) desenvolvimento (3) design textil (3) dia da Independência (3) e-mail (3) elinga (3) empreendorismo (3) empresa (3) engenharia (3) estatística (3) estudantes (3) exportação (3) formação (3) globalização (3) governo (3) história natural (3) ideias (3) imobiliário (3) indústria (3) jornalismo (3) kuanza-Sul (3) legislação (3) lingua portuguesa (3) linguas (3) livro (3) mel gambôa (3) negritude (3) poesia lusófona (3) polícia (3) rios (3) trabalho (3) ||| Trienal de Luanda (3) 11 de Novembro (2) 1º de Maio (2) 3º ano (2) A Matéria do Tempo (2) Agostinho André Mendes de Carvalho (2) Agualusa (2) Andulo (2) Angola no Afrobasket2013 (2) António Ole (2) Arlindo Barbeitos (2) Assembleia Nacional (2) BD (2) Beatriz Salucombo (2) Belita Palma (2) Bonga (2) Bonga Kwenda (2) CHAN (2) CUBE RECORDS (2) Café Negro (2) Cambambe (2) Campeonato do Mundo de Hóquei (2) Cangandala (2) Caála (2) Comissão Nacional Eleitoral (2) Correia Adão (2) Cuca (2) DTA (2) Divagações (2) Dog (2) Dog Murras (2) Don Sebas (2) Elinga Bar (2) Encontro (2) Estudos Angolanos (2) Estúdio de Actores (2) FAO (2) FBaião (2) FIC (2) FLEC (2) Festival Internacional de Jazz (2) Festival Internacional de Rock do Huambo (2) Festival de Cinema (2) Filipe Zau (2) Formula 3 (2) Fortaleza de Luanda (2) Fotografias (2) Fotografias de Angola (2) Francisco Vidal (2) Gustavo Costa (2) Helena Justino (2) Helena Magalhães (2) Hospital Pediátrico David Bernardino (2) Isabel dos Santos (2) Januário Jano (2) João Arrmando (2) João Baptista Vieira Lopes (2) Kilamba (2) Kuanza (2) Kwanza Norte (2) Leba (2) Lev'Arte (2) Luís Damião (2) Lúcio Lara (2) Mampuya (2) Mangovo (2) Manifestações (2) Manuel Rui (2) Manuel Ruy Monteiro (2) Margarida Paredes (2) Mbanza Congo (2) Mia Couto (2) Micaela Reis (2) MinhaAngola (2) Monza (2) Mucuio (2) Museu de História Natural (2) Nara (2) Nelo Teixeira (2) Neves e Sousa (2) O Blog Realmente Aberto (2) Online (2) Palácio de Ferro (2) Papa Bento XVI (2) Paulo Jazz (2) Paulo de Carvalho (2) Pedras Negras (2) Prémio Nacional da Cultura (2) Reacreativo do Libolo (2) Recordações (2) Reginaldo Silva (2) René Pélissier (2) Roderick Nehone (2) Rosa Coutinho (2) Rádio Ecclesia (2) SIEXPO (2) Sabby (2) Salvador Correia (2) Samakuva (2) Sambizanga (2) Savimbi (2) Sonangol (2) Sumbe (2) TPA Internacional (2) Tchokwé (2) Terra (2) Tio Liceu (2) Togo (2) Tonspi (2) Uíge (2) Valdemar Bastos (2) Viriato da Cruz (2) Visita de Estado (2) Viteix (2) Yaru Cândido (2) advogados (2) alimentação (2) angolanidade (2) antropologia (2) artes plásticas (2) aviação (2) bebidas (2) biodiversidade (2) ciclismo (2) cidades (2) conhecimento (2) contestação (2) direitos e deveres (2) divulgação (2) educ'arte (2) escola (2) espectaculo (2) feira (2) fim de ano (2) fome (2) governação (2) herois (2) hino (2) instrumentos (2) kimalanga (2) kizomba (2) legislativas (2) leis (2) marginal (2) negócios (2) pensamentos (2) pesca (2) provérbio (2) racismo (2) religião (2) reportagem (2) resultados eleitorais (2) revistas (2) toponimia (2) transporte aéreo (2) trânsito (2) vias de comunicação (2) vistos (2) Álvaro Macieira (2) óbitos (2)  Zé Pestana Namibe Angola em fotos (1) "O Ocaso dos Pirilampos". (1) 04 de Abril (1) 1 de Maio (1) 15 de Março (1) 1º de Agosto (1) 2006 (1) 2008 (1) 2011 (1) 2012 (1) 2014 (1) 95 (1) A Poesia Angolana noa Caminho Doloroso da História (1) A Orfã do Rei (1) A Safra (1) ANGOLATELECOM (1) Acordos Luso-Angolanos (1) Acordos de Paz de Bicesse (1) Actores (1) Acácio Barradas (1) Adolfo Maria (1) Adriano B. de Vasconcelos (1) Adriano Botelho de Vasconcelos (1) Adriano Mixinge (1) Adriano Sebastião (1) Aeroporto Internacional de Luanda (1) Afrologia (1) Alda Lara (1) Alda do Espírito Santo (1) Alfabetização (1) Aline Frazão (1) Allende (1) Ana Dias Lourenço (1) Ana Paula dos Santos (1) Angola 74 (1) Angola Avante (1) Angola Rural (1) Angola e NBA (1) Angolares (1) Animação (1) António Kassoma (1) António Magina (1) António dos Santos (1) Anália de Victória Pereira (1) Apartheid (1) Apostolado (1) Artur Nunes (1) Assassinato (1) Associação 25 de Abril (1) Associação Kalu (1) Autódromo (1) Bahia (1) Baixa de Cassange (1) Banda (1) Banda Desenhada (1) Banda Maravilha (1) Before Crush (1) Benfica (1) Bienal (1) Bilhete de Identidade (1) Bimbe (1) Bié (1) Black Soul (1) Boas Fertas (1) Bruno M (1) COI (1) COSISA (1) CPJ (1) CRONICAS ENSAIOS (1) Cabo Ledo (1) Caleidoscópio (1) Calos Alberto Mac-Mahon de Vitoria Pereira (1) Cangola (1) Caotinha (1) Carlos Alberto Mac-Mahon de Vitoria Pereira (1) Carlos Ferreira (1) Carlos Ferreirinha (1) Carlos Morais (1) Carteira do Artista (1) Casa 70 (1) Casa do Gaiato (1) Casa do Gaiato de Benguela (1) Cavaqueira no Poste (1) Cesaire (1) Cesária Évora (1) Chia KMK (1) Chibia (1) Chiwale (1) Cinema Atlântico (1) Comité Olímpico (1) Companhia de Teatro Dadaísmo (1) Companhia de Teatro Gente (1) Congresso (1) Cooperação Luso Angolana (1) Corte-Real Pereira (1) Costa Andrade (1) Cuba (1) Cubal (1) Cunene (1) Cónego Manuel das Neves (1) DNIC (1) Dalila Cabrita (1) David Zé (1) Death Metal Angola (1) Demósthenes (1) Dharmasena Pathiraja (1) Dharmasena Pathirajad (1) Dia da Mulher Africana (1) Dia de Camões (1) Dia internacional da Criança (1) Direitos Humanos (1) Direitos de autor (1) Discurso do Presidente Agostinho Neto (1) Dondo (1) Doutoramento (1) Drepanocitose (1) Duarte Ferreira (1) EXPO 2012 (1) Edgardo Xavier (1) Edite Soeiro (1) Eiffel (1) Embaixada de Angola em Portugal (1) Embaixador (1) Eng. Fernando Falcão (1) Espaço SIEXPO (1) Estórias de Angola (1) Etel Ferrão (1) Eugénio Costa Almeida (1) ExameAngola (1) Expo 2008 (1) FAA (1) FC Bravos do Maquis (1) FIL (1) FNLA (1) Fernando Baião (1) Fernando Laidley (1) Fernando Pacheco (1) Fernando Tavares Pimenta (1) Festival da Canção (1) Filhos da Pátria (1) Flávio Ferrão (1) Ford (1) Forum Angolanao (1) Força aérea (1) Fragata de Morais (1) Francisco Costa Andrade (1) Frases (1) Frei João Domingos (1) Frutos de Angola (1) Fundo de Solidariedade Lwini (1) Fátima Roque (1) Gabela (1) Gana (1) Gari Sinedima (1) Gastronomia Angolana (1) General Pakas (1) Graciano António Manuel Kalukango (1) Granito (1) Grupo Lareira (1) Grupo Pitabel (1) Grupo de Reflexão da Sociedade Civil de Angola (1) Guiné-Bissau (1) Gustave (1) Gustavo da Conceição (1) Gás (1) Helder Mendes (1) Henrique Artes (1) Herberto Helder (1) Hinos partidários (1) Holden Roberto (1) INESAAODH (1) INOVAR (1) Icolo e Bengo (1) Imbondeiro (1) Inocência Mata (1) Inscrições (1) Iraldo (1) Irina Vasconcelos (1) Isaura Maria da Conceição Epanda (1) Ismael Mateus (1) J.M.Coetzee (1) Jacinto Lemos (1) Jandira Sassingui (1) Jeremy Xido (1) Jerónimo Belo (1) Joaquim Furtado (1) Jodi Burch (1) Jomo Fortunato (1) Jonh Bela (1) Jordi Galcerán (1) Jorge De Palma (1) José Chaves (1) José Luis Mendonça (1) José Marcos Mavungo (1) José Maria Chaves (1) José Redinha (1) João Jorge Xavier (1) João Kassinda (1) João Soares (1) Kalandula (1) Kalumba (1) Kambumbe Lodje (1) Kandjila (1) Kaparandanda (1) Kate Hama (1) Kifangondo (1) Kiluanji Kia Henda (1) Kinaxixe (1) Kito Kimbenze (1) KuBass (1) Kuduro International Conference (1) Kwanza (1) LODGE (1) Lambarena (1) Levy César Marcelino (1) Lilly Tchiumba (1) Lito Vidigal (1) Loanda (1) Luanary (1) Luanda Maputo (1) Luciano António (1) Lucira (1) Lugares (1) Luis Fernando (1) Luis Rosa Lopes (1) Lulendo (1) Lunda (1) Luz Veio (1) Luís Fernando (1) M'pty Head (1) MOVICEL (1) Maianga (1) Mano a Mano Produções (1) Manucho (1) Manuel Agostinho Salvador Ribeiro (1) Manuel Ennes Ferreira (1) Mara Dalva (1) Mara Manuela Cristina Ananaz (1) Maria Esperança Pascoal (1) Maria Mambo Café (1) Maria Rita (1) Massalo (1) Matála (1) Mayamba Editora (1) Memória de uma alcoólica (1) Menha Ma Zumbi (1) Menongue (1) Mestre Humberto (1) Miguel Anacoreta Correia (1) Miguel Barros (1) Miguel Zenón Quartet (1) Ministros de Angola (1) Miss Angola 2007 (1) Miss Mundo (1) Miss World (1) Monami (1) Morro Maluco (1) Morro da Luz (1) Morro da Maianga (1) Movimento Estudantil Angolano (1) Movimento X (1) Moçambique (1) Muanamosi Matumona (1) Mucubais (1) Mulher Desporto África 2008 (1) Murras (1) Museu Nacional de História Natural (1) Musongué da Tradição (1) Mutamba (1) Mário Guerra (1) MárioPalma (1) NASCAR (1) NEBLINA (1) Nastio (1) Ngolamirrors (1) Nito Alves (1) Njinga Rainha de Angola (1) Nossangola (1) Nzila (1) Nástio (1) Nástio Mosquito (1) O Moringue (1) O Método de Groholm (1) O Preço do Fato (1) O Rock Lalimwe Eteke Ifa (1) O Submarino Angolano (1) ONG (1) ONU (1) Orfanato (1) Orlando Sérgio (1) Ortopedia (1) Os Lambas (1) Ottoniela Bezerra (1) PENSAMENTO (1) PTNETangola (1) Pangueia Editora (1) Parlamento (1) Pauko Flores . música (1) Paulo Araújo (1) Paulo Capela (1) Paulo Kussy (1) Pedrito do Bié (1) Pedro Pinote (1) Petro (1) Photosynth (1) Processo dos 50 (1) Projecto Perpetuar (1) Prémio José Saramago (1) Quarta-feira (1) Quimbele (1) Quitexe (1) RNA (1) Rafael Marques (1) Raid Cacimbo (1) Raid TT (1) Rainha Ginga (1) Rainha Nzinga (1) Raul David (1) Recreativo da Caála (1) Ricardo Abreu (1) Rio Kuanza (1) Ritmo e Cultura (1) Robert Hudson (1) Roberto Ivens (1) Rocha Pinto (1) Romi Anauel (1) Ruca Van-Dúnem (1) Rui Almeida (1) Rui Costa (1) Rui Monteiro (1) Rui Tavares (1) Ryszard Kapuscinski (1) Rádio Luanda (1) S.Tomé e Príncipe (1) SISTEC (1) Samba (1) Santocas (1) Sexta-feira (1) Silerstone (1) Silverstone (1) Simão Toco (1) Sita Valles (1) Slide de fotografias (1) Soyo (1) Suzana Inglês (1) Sérgio Guerra (1) Sérgio Mabombo (1) TEDxLuanda (1) Taekwondo (1) Tantã Cultural (1) Tchivinguiro (1) Terra dos Sonhos (1) Toke (1) Tomaz Jorge (1) Toty Semedo (1) Traumatologia (1) Tribunal de Contas (1) Trienal de Luanda (1) Tv (1) TvZimbo (1) Té Macedo (1) Tômbwa (1) UEA (1) UNITEL (1) União de Escritores Angolanos (1) Urbano de Castro (1) VIH/SIDA (1) VUM-VUM KAMUSASADI (1) Victor Gama (1) Vítor Burity da Silva (1) Waldemar Bastos (1) Welwitschia Mirabilis (1) Wilker Flores (1) Xadrez (1) Xá de Caxinde (1) Yonamine Miguel (1) You Failed... Now We Rule!!! A Nossa Vez!!! (1) Zeca Moreno (1) Zé Pestana Namibe Angola em fotos (1) abacate (1) acidentes (1) acordo ortográfico (1) agradecimento (1) alambamento (1) alfandega (1) angolano lá fora (1) antologia poetica (1) anuncio (1) anúncio (1) arbitrariedade (1) baleia (1) bancos (1) bandeira (1) barack obama (1) baía (1) biblioteca (1) bicicleta (1) borboletas (1) brancos (1) cacusso (1) capacitação (1) carta aberta (1) casamento (1) cine art angola (1) clima (1) cogumelos (1) colóquios (1) combustível (1) comemorações (1) comunidades (1) concertos musicais (1) concurso fotografia (1) contador (1) contrafacção (1) convívio (1) cooperação desportiva (1) crónicas (1) cursos (1) desalojados (1) desarmamento (1) descolonização (1) desgraça (1) design grafico (1) desporto paralímpico (1) dia do pai (1) dimantes (1) dinheiro (1) doclisboa 2012 (1) doença do sono (1) dvd (1) e--books (1) emprego (1) encontro mulheres angolana (1) escr (1) estorieta (1) explicação (1) expressão dramática (1) f (1) facebook (1) famílias (1) feira do Livro (1) feminismo (1) feministas (1) ficção (1) fiscalidade (1) floresta (1) fm (1) fábulas (1) férias (1) gora (1) graffiti (1) hobby (1) humor angolano (1) idolos (1) igreja (1) iniciativa (1) intercâmbio (1) interrupção (1) investigação (1) jindungo (1) jo (1) justiça (1) juventude (1) kalulu (1) kamussekele (1) kassekele (1) kimbos (1) kit surf em Angola (1) lendas (1) luto (1) línguas nacionais (1) militares (1) minas (1) minas de prata (1) miss Universo (1) modernização (1) mosca tsé-tsé (1) motas (1) muamba (1) música. fotos antigas (1) narrativa (1) natação (1) nação negra (1) negros (1) néo-liberalismo (1) o mundo (1) off-road (1) parabens (1) passados. estórias (1) passatempo (1) pecuária (1) pensar (1) perdidos e achados (1) piri-piri (1) poe (1) porto de Luanda (1) povo (1) primeira-dama de Angola (1) prisões (1) prédio Cuca (1) qualificação das pessoas (1) ra (1) raça (1) recuperação (1) refugiados (1) registo eleitoral (1) renovação (1) repatriamento (1) restaurantes (1) san (1) segurança (1) sem etiqueta (1) seminário (1) soberania (1) surf em Angola (1) taxis (1) telecomunicações (1) todo o terreno (1) tragedia (1) tripanossomíase (1) turtulhos (1) twitter (1) técnica (1) um livro. solidariedade (1) valdemar F. Ribeiro (1) vfr (1) vigarices (1) violência (1) voz (1) youTube (1) «ANGOLA: A TERCEIRA ALTERNATIVA» (1) Álvaro Ascenso (1) Álvaro Mateus (1) Óscar Ribas (1) ética (1) ídolos (1)