Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2008

A voz do dinheiro

Imagem
Descubra as diferenças entre um mercado e um shopping



Pensar e Falar Angola

Mercado Kinaxixe, foi

Imagem
Já divulguei em vários sitios na net informação sobre o mercado Kinaxixe, como sendo obra de referência na arquitectura angolana.
Primeiro porque era um edifício bonito.
Segundo porque era uma obra de inspiração Corbusiana obedecendo aos seus cinco princípios arquitectónicos (1).
Terceiro porque surge em consequencia dos princípios da Carta de Atenas e CIAM.
Quarto porque era um edifício bem concebido e adaptado ao clima tropical.
Quinto por ocupava um espaço de grande relevo e referência na cidade de Luanda.
Sexto porque efectivamente era uma obra caracterizada no International Style
Sétimo porque uma obra com estas caracteristas se localizava no continente africano.
Oitavo porque era considerada uma obra limpa, sintética, funcional e racional
Nono porque era uma obra que facilmente se ligava a uma rede de referências internacionais ao nível da arquitectura: Carta de Atenas, Corbusier, Brasília, Lúcio Costa, história da arquitectura, Chandigar.
Décimo por ter sido projectado pelo arquitecto Va…
Imagem
2 Telas pintadas à mão por artistas de Angola.


Pensar e Falar Angola



2 - GRANDE ENTREVISTA - Holden Roberto - 1999

Imagem
P – Como foram preparados os acordos de Alvor?
HR – Os acordos foram preparados primeiro como a cessação completa das hostilidades em Angola à 15 de Outubro depois de negociações com uma delegação portuguesa que se tinha deslocado para Kinshasa onde estava a direcção da FNLA. Só que naltura havia um outro problema, o MPLA estava dividido em três facções e necessário primeiro reconciliar o MPLA e depois encontrarmos uma plataforma conjunta de servisse de base de negociações com os portugueses. Mesmo assim nós a FNLA elaboramos um texto que com pequenas emendas foi o texto base dos acordos de Alvor. A primeira discussão desse texto foi em Mombassa, Kenya, onde juntamo-nos os três movimentos a FNLA, MPLA e UNITA as linhas fortes da negociações com os portugueses.
P- Nesse encontro de Mombassa os outros movimentos haviam apresentado também propostas?
HR – Absolutamente nada, só limitamo-nos a discutir o nosso texto e praticamente não houve trabalho nenhum, porque a reunião serviu apenas para…

SIDA

Imagem
SELOS ANGOLA


Pensar e Falar Angola

1 - GRANDE ESTRESVISTA - Jaka Jamba - 1999

Imagem
FALHAMOS TODOS NA APLICAÇÃO DOS ACORDOS DE ALVOR
Almerido Jaka Jaca, é um dos históricos da UNITA, partido onde já ocupou várias posições de destaque. É formado em Filosofia, pela Universidade Clássica de Lisboa e foi por muito tempo professor das cadeiras de Filosofia e História no Liceu de Oeiras em Portugal.
Ingressou na UNITA em 1972 e dois anos depois, participou na preparação dos acordos de Alvor pelo seu movimento. Por forças desses acordos ocupou pela UNITA a pasta de secretário de Estado da informação no governo de transição. A nível partidário já exerceu funções de secretário de educação, informação, dos Negócios Estrangeiros e da Cultura e Herança Africana.
Actualmente, com 50 anos de idade Jaka Jamba representa o galo negro no parlamento angolano.
P- 25 anos depois da assinatura do acordo de Alvor ,que avaliação se pode fazer?

JJ - 25 anos depois podemos dizer que se por um lado a independência formal é caso adquirido,por outro há um longo percurso que deverá ser ainda cumprido…

Análise às Eleições e Eleitores

Imagem
Depois do primeiro processo eleitoral, que foi completamente frustrante e traumatizante, aproxima-se a passos largos as segundas eleições legislativas em Angola. Não faz parte deste espaço entrar na campanha eleitoral, tomar partido ou exercer alguma influência. As discussões que podemos gerar têm o objectivo de procurar a luz da ideia clara e objectiva. Se para muitos este processo é o renovar de esperanças e o sinónimo da consolidação da democracia em todo o País, para outros, nas zonas rurais e naquelas províncias que sofreram de forma violenta, directa e dramática as consequências da guerra pós eleitoral de 1992, poenso que prevalece um sentimento de medo, de insegurança, de pessimismo e incredebilidade em relação aos benefícios que este processo pode trazer para a vida de todos os cidadãos. Nestas zonas há a dicotomia eleições/guerra como ponto acente, verdade absoluta de duas palavras e um só significado. Nesta zonas há necessidade de fazer um valoroso trabalho de descomplexizar …

Portal SAPO Angola

Imagem
Angola: Portal Sapo Angola é lançado quinta-feira em Luanda
17h40m
Luanda, 28 Jul (Lusa) -- O Sapo, maior portal de Internet português, vai lançar quinta-feira em Luanda o "SapoAngola", um contributo ao desenvolvimento da sociedade de informação angolana e um ponto de encontro da comunidade deste país no mundo, segundo a empresa.
Este novo portal -- www.sapo.ao -- a ser apresentando pela Portugal Telecom e a Multitel vai agregar todos os conteúdos relacionados com Angola, tendo disponíveis as áreas de pesquisa, directório, e-mail, vídeos, fotos, messenger e notícias.
Na área de notícias vão estar disponíveis todas as notícias do país, actualizadas ao minuto e na pesquisa, os cibernautas vão ter acesso a um directório de sites de Angola único no mundo.
O Serviço Messenger vai permitir fazer chamadas de voz entre computadores e falar através de chat e a possibilidade de se enviar sms para a Unitel e Movicel, operadores móveis angolanas, de forma gratuita.
Relativamente às áreas de f…

Ginga puzzle

Imagem
http://five.flash-gear.com/npuz/puz.php?c=v&id=3074168&k=69015508

Navegue até à página indicada e aguarde o puzzle.... depois é uma questão de paciência.



Pensar e Falar Angola

LINDÚ MONA

Imagem
A herança cultural angolana

Numa linguagem universal e única

A sua influência é múltipla e diversificada e vai desde a música de raiz etnográfica e tradicional de Angola até ao Jazz, Reggae, Nova Música Improvisada entre outras. Em Lindú Mona o regresso a África é espiritual e físico. Por isso, na sua música sentimos os pássaros e os sons da floresta, o tambor e os passos de dança, os Nzumbi (almas de um outro mundo), o dialecto, e os instrumentos de música tradicional como o Kissange. As palavras dos seus temas são como pinturas que reflectem as feras e a grande fogueira, os senhores e os escravos, os homens BANTOS e os comerciantes de Zanzibar, as terras de Colombo e as ilhas, as tatuagens e a nostalgia negra, o óleo de palma e o feitiço da Alma, enfim uma verdadeira rosa de porcelana, nossa "Rosa Afra".

LINDÚ MONA

Nasceu numa Angola ainda sob o domínio colonial português. Filho de um contra-mestre da marinha mercante portuguesa e de uma negra africana natural do Dondo-Ang…

Passe a publicidade (16)

Imagem
Pensar e Falar Angola

Quipucas

Imagem
Quipucas, pequenos celeiros suspensos, construidos por fibras vegetais para armazenagem e conservação de feijão, milho ou ginguba. Os pequenos celeiros ovóides formam o lugar ideal para conservar estes alimentos de forma arejada,seca e distante dos roedores, dando ao kimbos um ar insólito. Estas fotos foram recolhidas na região de Marimba por Henrique J.C. Oliveira



Pensar e Falar Angola

(24) - Ágora - Desconversas

Imagem
Hoje quando estava a ler um matutino qualquer, em que o assunto era uma invariável cruenta análise sobre a situação na África do Sul, lembrei-me do saudoso João Martins. Poderá parecer paradoxal lembrar-me do João Martins, muitos anos depois da sua prematura morte, mas de facto veio-me à lembrança uma das suas tiradas, num dia qualquer do distante ano de 1980. Perante a onda crescente de cooperantes, que entretanto chegavam a Angola, ele dizia com uma certa piada: "Temos de libertar a Namíbia e a África do Sul, já que é a única oportunidade de sermos cooperantes". O João Martins, foi director da Casa do Desportista na ilha de Luanda, onde vivi durante cerca de um ano, nos tempos da “gastronomia criativa”. Era uma excelente pessoa, do Ambriz, com uma pasta tipo Bond, feita na Onil, que abria com um fósforo (IFA) e onde estavam dezenas de requisições ao Ministério do Comércio Interno, que fazia gáudio em mostrar-nos, quando quotidianamente reclamávamos a constante repetição da c…

Creadas domésticas

Imagem
Postal numerado (265) do inicio do século XX, sobre duas mulheres de Benguela, vestidas de forma tradicional, com panos, e com a actividade de empregadas domésticas.




Pensar e Falar Angola

Sábado Musical

Imagem
Pensar e Falar Angola

Escritores Angolanos - Eurico Josué Ngunga "Kandjila"

Imagem
Nesta série de Escritores Angolanos falamos de quem apresentou este mês a sua primeira obra em Angola, depois de a ter apresentado, pela primeira vez em Novembro de 2007 em Minas Gerais, Brasil - Eurico Josué Ngunga, Kandjila. Eurico Kandjila procedeu quarta-feira, no Instituto Superior de Ciências da Educação, na cidade do Huambo, depois de a ter apresentado em Cabinda, na passada semana, no Centro Universitário de Cabinda, a apresentação da sua primeira obra literária intitulada "Njango-Contos em volta da fogueira", escrita em 1994. Eurico Kandjila fez saber que a referida obra retrata "aspectos da idiossincrasia cultural identitária dos povos ovimbundus (centro sul de Angola), ao mesmo tempo em que ostenta uma conotação antropológica, histórica, sociológica e filosófica, por abordar questões da transmissão de valores mais sublimes da tradição". Além disto, aludiu o escritor, a obra eleva a "cosmo-visão africana perpassada pela oralidade", com intuito de…

Revolta do Congo

Imagem
"A revolta no Congo Oficiaes que fizeram parte da coluna do Congo: 1. Governador do distrito, 2. Capitão Genipro, chefe do estado maior da coluna, 3. Chefe dos serviços administrativos tenente Costa Alves, 4. Chefe dos serviços de saúde dr. Aires Lopes.O tenente Costa Alves chefe dos serviços administrativos assistindo á autopsia de um boi." autopsia????
(clique para ampliar)
"1. Sargentos que fizeram parte da coluna.2. Bivaque da coluna n'uma povoação, vendo-se o governador sr. Jaime de Moraes e o 1º tenente sr. Crato, conferenciando com dois sobas fieis. -- 3. Um posto militar novo em construção."
talvez em Angola
Ilustração Portuguesa nº 470 de Fevereiro de 1915
Fonte: Blog ilustração portuguesa http://revistaantigaportuguesa.blogspot.com/

Pensar e Falar Angola

bom mesmo é não falar de política

Imagem
Antes de começar a campanha eleitoral, utilizando os conhecimentos das recentes e profundas idas, bem como a leitura dos ‘periódicos’, blogs, páginas partidárias e outras tantas coisas, vou tentar descrever a ‘minha’ Angola, que não é necessariamente igual a tantas outras que vou ‘encontrando’ por aí.
Não vou querer dar uma opinião nem mostrar um saber que não posso ter. Quero mesmo só lhe visitar nas palavras que os meus olhos viram, a minha cabeça lhe fotografou e os meus dedos teclam.
Angola é um país em obras, grandes e pequenas, divididas por empresas brasileiras, portuguesas, angolanas, italianas e chinesas. Se me falhou algum país desde já as minhas desculpas, mas de facto não me recordo de ter visto.
Ao que fui sabendo, os chineses foram os últimos a chegar. São os primeiros neste momento e, segundo os mujimbos, rondam 3% da população, cerca de 650000 espalhados no país. Trabalham por turnos os sete dias da semana e as 24 horas do dia. Paulatinamente começam a integrar a sociedad…

Ovimbundo

Imagem
Duas estátuas Ovimbundu


Pensar e Falar Angola

4ª desportiva

Imagem
Jornada 16
1º de Maio 1-1 Petro Luanda

Petro Huambo 2-1 Bravos Maqui

Rec. Libolo 2-1 Benf. Luanda

Santos FC 1-1 Desp. Huíla

ASA 0-1 1º de Agosto

Inter Luanda 2-0 Benfica Lubango

Kabuscorp 1-1 Sagrada




CAN 2010

As obras do Estádio do Lubango, que vai acolher o CAN-2010, estão já a 50 por cento da sua execução total, decorrendo actualmente os trabalhos para a edificação do primeiro piso, onde serão colocados os assentos individuais para os espectadores. Segundo o responsável pela empresa "Nuclear", fiscalizadora da obra, Egídio Armando, as obras incidem agora sobre estrutura do primeiro piso, que ostentará quatro lados (A, B, C e D). "Temos já quase prontos os lados "A" e "D", cujas bancadas foram betumadas no domingo, e por tudo que está feito agora, tranquiliza-nos bastante, porque até estamos a ganhar muito tempo. A 11 de Setembro esta fase será concluída", sublinhou. Informou que oficialmente a empresa Syno Hidro não tem problemas de maior em relação a…

Kassongo

Imagem
Angola/Bié: Elefantes danificam bens da população de Kassongo

Kuito, 20/07- Manadas de elefantes danificaram, sábado, residências e cereais, entre outros bens da população da aldeia de Kassongo, na comuna de Malengue, no município do Chitembo, cerca de 222 quilômetros a sul da cidade do Kuito, na província do Bié.
O administrador daquela comuna, José Pedro, informou à angop que os elefantes danificaram residências, celeiros com reservas de milho, feijão, bombo, e algumas lavras com culturas de mandioca e batatas.José Pedro disse que a situação tem sido constante nos ultimos tempos e, parte da população está abandonar as suas aldeias para localidades com mais segurança, onde tentam iniciar a sua vida, com todas as consequências, mormente a fome e a falta de habitação.
“Neste momento -disse o administrador, a população da aldeia de Kassongo clama por uma ajuda em termos de bens de primeira necessidade já que parte das suas reservas foram destruidas por elefantes”.O administrador sublinhou…

O combate de Naulila

Imagem
(clique para ampliar)
Formatura dos soldados portuguezes no Lubango, antes de partirem ao encontro dos alemães.
Grupo de sargentos que fazem parte da expedição a Angola.Chegada ao Lubango das bagagens das tropas portuguezas ('Clichés' do distinto fotografo sr. Teles Grilo)."
Ilustração Portuguesa nº 466 de Janeiro de 1915
Fonte: Blog ilustração portuguesahttp://revistaantigaportuguesa.blogspot.com/

Pensar e Falar Angola

Texto de Leitor

Imagem
fotos de Novembro 2007 “Acho que sou feliz. Eu quero tudo o que tenho, só desejo o que posso E sou da minha idade. Será isso a tal felicidade?"
- Vá, em busca dos seus sonhos. Se tropeçar, não pare nem perca de vista sua meta, não olhe para trás e continue subindo mesmo que ocupe todo seu dia. Vá, mesmo de joelho... vá, porque só quem está no alto pode desfrutar da paisagem... MªGraça Baptista ( samsaragrace )

Eleições em Notícia - Contagem regressiva para as Eleições Legislativas 2008 em Angola

Imagem
A LAC (Luanda Antena Comercial), 95.5 em FM, iniciou uma nova programação jornalística com a apresentação de um sério projecto da sua direcção de informação, uma aposta dinâmica e abrangente de José Rodrigues, o director de informação da LAC.

Esta foi a primeira estação radiofónica fora da alçada do serviço público de rádio, quando em 1992, a poucos meses do primeiro e, - até o próximo dia 5 de Setembro -, único acto eleitoral em Angola, foi autorizada a emitir enquanto rádio com cobertura local, Luanda e seu perímetro provincial.

Escute o áudio da emissão condensada:
Eleições em Notícia - LAC
Coordenação de José Rodrigues









ELEIÇÕES EM NOTÍCIA - LAC - Iª Parte - Escute aqui



ELEIÇÕES EM NOTÍCIA - LAC - IIª Parte - Escute aqui




Pensar e Falar Angola