A Efeméride Nacional

11 DE NOVEMBRO DE 1975

terça-feira, 24 de abril de 2012

Acabar com a corrupção


Nenhum agente está autorizado a pedir dinheiro
24.04.2012
Os supostos casos de corrupção na Polícia de Trânsito têm merecido a atenção da sociedade, principalmente os automobilistas. O Comandante da Unidade de Trânsito de Luanda, Manuel Fernandes, em entrevista ao Jornal de Angola, frisou que nenhum agente está autorizado a pedir dinheiro ao automobilista. Nesta entrevista, adverte os prevaricadores com medidas disciplinares, que podem ir até à expulsão da corporação.

Jornal de Angola - O facto de alguns polícias de trânsito serem supostamente corrompidos pelos “candongueiros” não provoca o aumento das irregularidades cometidas na via pública por esses automobilistas?

Manuel Fernandes - Vamos sublinhar o termo supostamente, porque nós, enquanto forças da ordem, enquanto elementos fiscalizadores do trânsito, trabalhamos com factos. Trabalhamos com uma estrutura fortemente hierarquizada onde o factor disciplina é ponto de ordem. Temos um regulamento disciplinar que não só desincentiva, como pune severamente comportamentos contrários ao regulamento. Qualquer efectivo, não só do trânsito, está avisado que, ao ser autuado como corrupto, será alvo de medidas disciplinares severas que podem ir até à demissão compulsiva da corporação. Penso que nenhum efectivo gostaria de perder o emprego, porque ele veste a farda com muito orgulho, e é a partir da prestação de serviço público que sustenta a sua família e de certeza não quer ficar desempregados.



Pensar e Falar Angola
Enviar um comentário