A Efeméride Nacional

11 DE NOVEMBRO DE 1975

terça-feira, 29 de novembro de 2011

PRÉMIO LITERÁRIO DISTINGUE ONDJAKI



O escritor Ondjaki, de nome próprio Ndulo de Almeida, é o grande vencedor da terceira edição do concurso Caxinde do Conto Infantil, com a obra “Ombela: a estória das chuvas”, confirmou ontem ao Jornal de Angola o secretário-geral da Associação Cultural e Recreativa Chá de Caxinde.
Almeida e Silva explicou que o vencedor vai receber como prémio o equivalente em kwanzas a cinco mil dólares e tem garantida a publicação da obra vencedora.
O secretário-geral acrescentou que a obra vencedora é um livro de conto infantil que só vai estar no mercado no próximo ano, pois decorrem negociações com uma editora para a sua publicação. “Está a ser feito também o trabalho de correcção e de ilustração da obra”, acrescentou. Almeida e Silva adiantou que o vencedor ainda não recebeu o seu prémio por se encontrar na cidade do Rio de Janeiro, Brasil, onde reside actualmente.
Ondjaki nasceu em Luanda em 1977. Estudou na capital angolana e concluiu licenciatura em sociologia em Lisboa. Possui experiência na área do teatro e da pintura. Em 2000 foi o segundo classificado no concurso literário António Jacinto e no mesmo ano faz a sua estreia no mundo literário com o lançamento do livro Actu Sanguineu. Depois de estudar durante seis meses na Universidade de Columbia, em Nova Iorque, Ondjaki filma com Kiluanje Liberdade o documentário sobre Luanda Oxalá cresçam pitangas. As suas obras foram traduzidas para diversas línguas como o francês, inglês, alemão, italiano, espanhol e chinês.
Em 2007 foi galardoado com o grande prémio de conto Camilo Castelo Branco pelo seu livro Os da Minha Rua. Recebeu na Etiópia o Prémio Grinzane de melhor escritor africano de 2008. No ano passado ganhou no Brasil o Prémio Jabuti, na categoria juvenil, com o romance Avó Dezanove e o Segredo do Soviético. O Jubuti é um dos mais importantes prémios literários brasileiros atribuído em 21 categorias.
Ondjaki publicou mais de uma dezena de obras, com destaque para Actu Sanguineu (poesia, 2000), Bom Dia Camaradas (romance, 2001), Momentos de Aqui (contos, 2001), O Assobiador (novela, 2002), Há Prendisajens com o Xão (poesia, 2002), Yuri: A Menina das Cinco Tranças (infantil, 2004), Quantas Madrugadas Tem A Noite (romance, 2004), E se Amanhã o Medo (contos, 2005), Os da Minha Rua (contos, 2007), Avó Dezanove e o Segredo do Soviético (romance, 2008), O Leão e o Coelho Saltitão (infantil, 2009), Materiais para Confecção de um Espanador de Tristezas (poesia, 2009), Os Vivos, o Morto e o Peixe-frito (teatro, 2009), O Voo do Golfinho (infantil, 2009) e Dentro de Mim faz Sul e Actu Sanguineu (poesia, 2010).


in Jornal de Angola





Pensar e Falar Angola
Enviar um comentário