A Efeméride Nacional

11 DE NOVEMBRO DE 1975

domingo, 3 de março de 2013

Curso de Teatro para Crianças em Luanda

Pensar e Falar Angola





A não perder e todos (pais e filhos) sairão a ganhar. Durante quase um ano que terá a oportunidade de ver o seu filho ou filha a crescer graças a essa maravilhosa arte que é o TEATRO!
10 Motivos para o seu filho fazer teatro
Ser aplaudido é a perfeita situação que traduz o sentimento de bem-estar que envolve os praticantes da arte teatral. E isso se reflete na autoestima da criança, pois ela faz parte de um trabalho que é apreciado pelas pessoas. 
Se o seu filho morre de vergonha de falar na frente de muitas pessoas, como na apresentação de um trabalho escolar, o teatro pode ajudá-lo a aprimorar as suas habilidades sociais. Quando estão a representar personagens, as crianças conseguem  soltar-se. Ao atuar, elas perdem a timidez porque ninguém as está julgando. Os exercícios de aquecimento vocal, como a repetição de frases , melhoram a colocação da voz e garantem confiança na hora de falar em público. 
Quando se pretende representar alguém, é importantíssimo colocar-se em seu lugar: tentar entender como o personagem pensa e o que sente. Esse simples exercício de imaginação acaba por desenvolver a empatia, habilidade importantíssima para o relacionamento social. Para ter uma ideia, a principal característica dos psicopatas é a falta dessa capacidade. Compreendendo melhor cada um, a criança aprende a tolerar as diferenças e a respeitar o próximo.
Além disso, como a atividade teatral é coletiva, a criança precisa aprender a se relacionar com diversas pessoas, inclusive aquelas de que não gosta muito. Com o tempo, isso promove a integração, a criança fica mais acessível no convívio com o outro. Pode facilitar inclusive o convívio com os familiares. 
Conhecer o outro nos ajuda a conhecer melhor a nós mesmos, a definir nossa identidade. O teatro também auxilia nessa jornada quando possibilita a elaboração interna de questões pessoais e coletivas por meio da metáfora, da poesia, do lúdico, do criativo...
 Outra gama de exercícios propostos em um curso de teatro é direccionada para estimular a percepção dos sentidos, como dançar de olhos vendados. Isso faz com que a criança desenvolva melhor coordenação motora, percepção espacial e consciência de seu corpo, além de aumentar sua capacidade de expressão. 
 Por ser uma atividade colectiva, o teatro também aprimora a convivência em grupo. O sucesso de todos depende do trabalho de cada um. Por isso, é importante aprender a lidar com o colega, saber expor ideias e críticas e principalmente aprender a respeitar a opinião dos outros. Encenar uma peça também exige comprometimento e dedicação. Os ensaios são recorrentes e a criança irá aprender que seu atraso atrapalha o progresso de todo grupo, tornando-se, assim, mais responsável. 
Como teatro é uma arte multidisciplinar (envolve literatura, artes plásticas, música entre outros), a prática proporciona o desenvolvimento de diversas habilidades. Por exemplo, nas escolhas que envolvem uma montagem teatral, as crianças podem explorar a criatividade a: montar o cenário, a desenhar o figurino, a compor músicas, e a escrever peças… Além disso, é preciso refletir sobre as escolhas na construção do espectáculo e isso também articula a criatividade e o raciocínio para a solução de problemas. Para encenar uma peça é preciso lembrar-se de muitas de coisas: sua fala, sua posição em cena, a ordem de entrada no palco… Para não errar, seu filho vai se esforçar para não esquecer nada. O cérebro agradece o exercício e retribuirá com uma memória mais eficiente. 
Quando faz teatro, a criança é convidada a conhecer diversos mundos das artes. O texto dramatúrgico a aproxima da literatura; a sonoplastia e trilha sonora abrem asas para a música; os figurinos trazem a moda para a cena; a construção de cenários dialoga com elementos da arquitetura e artes plásticas. Essas referências expandirão seu horizonte cultural e instigarão sua vontade de conhecer mais. 
Os benefícios do teatro também se refletem em sala de aula. A capacidade de concentração e o constante exercício de memorização podem ajudar na hora da prova, enquanto o contacto permanente com a literatura melhora o vocabulário, a escrita e interpretação de texto. Com o teatro, a criança desenvolve o espírito investigativo e curioso, necessário para encontrar soluções criativas para os jogos teatrais propostos. Essa vivência possibilita que a criança perceba sua capacidade em pensar soluções, experimentar caminhos, vivenciar o diverso e aprender com o outro. 
Todas as habilidades pontuadas anteriormente são consequências da prática teatral. A importância do fazer teatro, isto é, do contacto com estímulos sensíveis, que faz o imaginário das crianças voar, recriando mundos e relações por meio do teatro . Para além das habilidades funcionais, uma montagem teatral deve querer dizer algo para as crianças e seu mundo e, também, dialogar no contexto que vivem. Assim, ela ganha uma autonomia que a estimula para a expressão artística.






Texto adaptado de: http://nequidnimis.wordpress.com/2012/01/18/10-motivos-para-seu-filho-fazer-teatro/
Enviar um comentário